DIAGNÓSTICO DOS TRABALHADORES DA CONSTRUÇÃO CIVIL DE FORMOSA-GO

WANDERLEY RODRIGUES MAGALHÃES, AMOM CHRYSTIAN DE OLIVEIRA TEIXEIRA, THIARA MESSIAS DE ALMEIDA TEIXEIRA, IVANI MARISA CAYSER

Resumo


O presente estudo faz um diagnóstico dos trabalhadores da construção civil da cidade de Formosa-GO, especialmente quanto as suas características educacionais e socioeconômicas. A metodologia aplicada constituiu-se no levantamento bibliográfico e na aplicação de 33 questionários aos trabalhadores do setor em diversos canteiros de obras espalhados pela cidade. Os resultados indicam que, embora na visão dos trabalhadores sua qualidade de vida tenha melhorado nos últimos anos, o setor ainda é marcado pela baixa escolaridade e formação técnica, reflexos do processo histórico que levou a formação dos trabalhadores através da prática, em geral, migrantes da zona rural e de outros municípios e regiões do país, que iniciaram suas atividades ainda muito jovens. O resultado é um setor da economia dominado pela informalidade, baixos salários e por condições precárias de trabalho.


Palavras-chave


trabalho, renda, informalidade.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Indexações e Bases Bibliográficas

ibict1_195dialnet1_240latindex1_200sumario1_535e-revist_429